Blog do Adriano Roberto


DETRAN-PE no feriado de Nossa Senhora do Carmo 2019
Autor
Adriano Roberto

DETRAN-PE no feriado de Nossa Senhora do Carmo 2019

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação – Seduh, por meio do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco - DETRAN-PE, informa o abre e fecha na próxima terça-feira (16), em virtude do feriado de Nossa Senhora do Carmo, Padroeira do Recife.

Já as Operações Rota de Fuga e Trânsito Seguro estarão com seus agentes nas ruas para garantir aos cidadãos mais tranquilidade. É importante que cada um faça seu papel. Prudência na hora de dirigir e não fazer uso da mistura fatal álcool e direção. 

Em Ouricuri também é feriado municpal e não haverá expediente.



Semana política no poder
Autor
Adriano Roberto

Semana política no poder

Confira os principais destaques desta semana em 5 pontos:

1) O Congresso entra oficialmente em recesso nesta semana e, com o Judiciário também já de férias, Brasília tende a virar um marasmo.

Câmara e Senado param suas atividades na quinta-feira e só retornam, em tese, em 1º de agosto.

2) Davi Alcolumbre, presidente do Senado e do Congresso, deu início ao recesso sem a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Como mostramos no fim de semana, é mais uma afronta do Parlamento à Constituição, que prevê o descanso de deputados e senadores somente depois da votação do projeto.

3) Antes da folga das excelências, o plenário da Câmara deve aprovar a chamada quebra de interstício, que permitirá a conclusão da votação da reforma da Previdência, em segundo turno, na Câmara, na semana seguinte à volta do recesso, dia 6.

Com a quebra do interstício, não será necessário o intervalo de 5 sessões entre a votação do primeiro e do segundo turno.

4) O início da discussão sobre a reforma tributária também ficou para o segundo semestre.

Há uma disputa de protagonismo entre Câmara e Senado nesse tema.

Na Câmara, a proposta do economista Bernard Appy, apresentada pelo deputado Baleia Rossi, líder do MDB, será apreciada em comissão especial.

No Senado, o texto que irá tramitar é o do ex-deputado Luiz Carlos Hauly, do PSDB.

5) De resto, acompanharemos as movimentações no Planalto sobre a possibilidade de confirmação da indicação do deputado Eduardo Bolsonaro, filho do presidente da República, para o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos.

Por falar em Bolsonaro, o presidente vai participar, na quarta-feira, de reunião do Mercosul na Argentina. Com informações do Antagonista.

Boa semana.



Ligação chata de telefônicas podem ser bloqueadas a partir desta terça
Autor
Adriano Roberto

Ligação chata de telefônicas podem ser bloqueadas a partir desta terça

 Do G1 - A partir de terça-feira começa a funcionar o cadastro para o bloqueio de ligações de telemarketing das empresas de telecomunicações. Na plataforma on-line naomeperturbe.com.br será possível cadastrar o número de telefone para não receber mais chamadas de todas as empresas signatárias do acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel): Algar, Claro, Oi, Nextel, Sercomtel, Sky, TIM e Vivo.

Os detalhes ainda serão fechados, nesta segunda-feira, em uma reunião entre a Anatel e o SindiTelebrasil (que reúne as empresas do setor), mas a proposta é que, no site do Cadastro Nacional de Não Perturbe, o consumidor possa bloquear as chamadas indesejadas tanto por operadora como por tipo de serviço — telefonia fixa, celular, internet e TV por assinatura. Mas ainda não se sabe se todas as funcionalidades estarão disponíveis já na terça-feira.

Segundo a Anatel, estudos de mercado estimam que ao menos um terço das ligações indesejadas no Brasil tem por objetivo a venda de serviços de telecomunicações.

- Já fui muito incomodado. Eles deveriam ligar para quem já demonstrou interesse em algum de seus serviços, não para os que já disseram não querer — queixa-se o aposentado Manoel Meirelles, de 72 anos.

Monitoramento contínuo

Não à toa, a Anatel pressionou o setor para apresentar uma solução para o problema. A plataforma é a primeira de gestão das empresas no país.

- A implementação da lista nacional de “não perturbe” busca proteger o consumidor do comportamento das empresas. O monitoramento da Anatel não será interrompido — afirma o presidente da agência, Leonardo Euler de Morais.

O descumprimento do bloqueio feito via cadastro é passível das multas regulamentares da agência, que podem chegar a R$ 50 milhões, de acordo com a gravidade.

Diretor executivo do SindiTelebrasil, Carlos Duprat diz que, pela primeira vez, as empresas sentaram-se à mesa para uma decisão conjunta relativa à estratégia comercial:

- Nosso setor é muito competitivo. Como o consumidor pode levar seu número para onde for, o tempo todo há mudanças, por isso existe uma briga muito grande entre as empresas para conquistar esse cliente. Mas percebemos que essa estratégia está afetando a nossa imagem. O cadastro é bastante simples e transparente, atendendo ao desejo do consumidor.

Para a advogada Bianca Macário, de 25 anos, bloquear as chamadas indesejadas terá efeito sobre a sua produtividade no trabalho:

- Já interrompi reunião para atender uma ligação insistente, e era telemarketing.

Para Luciano Timm, titular da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), que vem trabalhando em parceria com Anatel no tema, a solução apresentada para as empresas de telecomunicações poderá ser ampliada para outros setores.



Agricultor do São Francisco desembolsa R$ 5 mil ou 250 caixas por hectare para custear a acerola
Autor
Adriano Roberto

Agricultor do São Francisco desembolsa R$ 5 mil ou 250 caixas por hectare para custear a acerola

O produtor de acerola do interior de Pernambuco gastou em média R$ 5 mil por hectare para implantar a fruta na última safra 2018/2019. O levantamento foi realizado pelo Sindicato dos Agricultores Familiares de Petrolina (Sintraf). Em termos mais usuais, o agricultor teve que produzir pelo menos 250 caixas por hectare na média para cobrir os custos com o fruto.

Levando em consideração o preço médio de R$ 20 por caixa, a mão-de-obra de R$ 9 por cada colheita, o custo da irrigação e os tratos culturais (adubação, capinação e fertilização), a entidade calcula que o produtor tirou uma rentabilidade de 4,00 caixas por hectare.

“Anos atrás, o cultivo de acerola em Petrolina trazia um retorno [comercial] mais satisfatório porque tinha um baixo custo de produção. Porém, de uns tempos para cá houve uma alta da mão-de-obra, uma baixa procura pela fruta, uma redução de preços e, consequentemente, a diminuição dos lucros para o agricultor”, avalia o levantamento.

Números causaram um efeito dominó

Segundo a presidente do Sintraf, Isália Damacena, a entidade prevê uma melhora com relação aos preços das próximas safras, no entanto, pelo motivo errado: recentemente muitos produtores erradicaram suas áreas de acerola, o que também reduzirá em breve a disponibilidade da fruta.

“Estimamos que até o início do ano passado, 3.422 agricultores familiares produziam acerola no município, desde os projetos irrigados Nilo Coelho, Maria Tereza e Bebedouro até as áreas de sequeiro como Pontal Perenizado e assentamentos. Mas de lá para cá, tivemos uma média de 500 pessoas migrando para outras culturas”, diz Isália.

O levantamento explica que para um produtor de acerola cobrir seu investimento ele leva pelo menos um ano e meio, e para conseguir uma rentabilidade terá de cuidar da plantação por três anos. Após a colheita, o fruticultor comercializa seu produto para as feiras livres, alimentação escolar, bem como atravessadores, que distribuem o grosso da produção petrolinense para capitais a exemplo de Fortaleza, Teresina, Aracaju e Salvador, além de cidades como Feira de Santana, Ubatã, Ibirataia, Novas Flores e Ilhéus.

“São bons mercados que se chegarmos a perdê-los, trarão ainda mais prejuízos para a cultura da acerola em Petrolina”, alerta a sindicalista. A ideia do Sintraf agora é utilizar esses dados para reivindicar políticas públicas de fomento junto a autoridades do Vale do São Francisco e pleitear assistência técnica e descontos de tarifas para os agricultores familiares diante das instituições federais, estaduais e do município.



Receita paga hoje restituições do 2º lote do Imposto de Renda
Autor
Adriano Roberto

Receita paga hoje restituições do 2º lote do Imposto de Renda

A Receita Federal começa a pagar, nesta segunda-feira (15), o 2º lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2019, e também, as restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

Serão depositados R$ 5 bilhões para 3.164.229 contribuintes. Desse total, R$2.362.514.597,42 referem-se a restituição de 15.489 contribuintes idosos acima de 80 anos, 197.895 contribuintes entre 60 e 79 anos, 24.793 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e 1.251.906 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, é preciso acessar o site da Receita Federal, ou ligar para o Receitafone, no número146.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano.

O dinheiro será depositado nas contas informadas na declaração. O contribuinte que não receber a restituição deverá ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para ter acesso ao pagamento.



Depois de Cileno, Lucas Ramos também sai em defesa de Felipe Carreras
Autor
Adriano Roberto

Depois de Cileno, Lucas Ramos também sai em defesa de Felipe Carreras

Após o próprio presidente estadual do PSB, Cileno Guedes, dizer que não apoia a retirada do deputado federal, Felipe Carreras do partido, como punição por ter votado a favor da reforma da previdência, o deputado estadual e voz forte na legenda, Lucas Ramos também divulgou uma nota de apoio ao colega federal. veja abaixo:
 
- O deputado federal Felipe Carreras tem história no Partido Socialista Brasileiro, com militância há mais de 20 anos e grande contribuição nas quatro últimas eleições majoritárias vitoriosas do partido em Pernambuco, desde a primeira eleição de Eduardo Campos até a recente reeleição do governador Paulo Câmara.
 
Com destacada contribuição à gestão estadual, teve uma passagem brilhante à frente da Secretaria de Turismo e Esportes, em especial no relacionamento com o trade turístico, na promoção de Pernambuco no Brasil e no mundo inteiro, e criação de um ambiente favorável para abertura de novas rotas, terrestres e aéreas. Por sua reconhecida atuação, que sempre teve como objetivo proporcionar mais desenvolvimento para Pernambuco, Felipe Carreras tem o meu respeito e admiração.
 
Lucas Ramos
Deputado Estadual - PSB


Livros em troca de uma gratuidade em concurso
Autor
Adriano Roberto

Livros em troca de uma gratuidade em concurso

Um projeto de lei que isenta doadores de livros de pagar taxa para concursos públicos está em tramitação na Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco (Alepe). Apresentado em junho deste ano, o PL 310/2019, proposto pelo deputado Professor Paulo Dutra (PSB), tem o objetivo de fazer circular livros paradidáticos no estado, fomentando o hábito da leitura. 
 
Se aprovado pelos parlamentares, o projeto vai alterar o artigo 19 da lei número 14.538, de 2011, que já prevê a isenção da taxa de inscrição para os candidatos registrados no Cadastro Único para programas sociais do governo federal e membros de famílias de baixa renda. A proposta é que seja inserido um terceiro inciso no artigo, que pretende isentar da taxa também os doadores de livros no Banco do Livro, da Biblioteca Pública do Estado.
 
Dutra acredita que os concurseiros juntem, ao longo dos seus estudos, várias obras literárias que poderiam ser disponibilizadas aos demais leitores. “Quem estuda para concurso geralmente acumula muitos livros. Uma pessoa que está estudando intensamente para tentar um emprego público quase sempre está desempregada e sem dinheiro para pagar uma inscrição. Doar os livros seria uma forma de conseguir participar da concorrência sem precisar desembolsar valores”, disse. 
 
Optando pela doação, o candidato à vaga pública precisaria providenciar a entrega das obras nos 12 meses antecedentes ao certame. Seria um total de 50 livros paradidáticos entregues no prazo estabelecido pelo projeto. “Como professor, comecei a questionar sobre o que poderia ser feito nas bibliotecas para fortalecer o hábito da leitura em Pernambuco. Criei, então, esse projeto, que pode ajudar tanto a pessoa que quer fazer o concurso, quanto incrementar o acervo das bibliotecas, o que fará com que outros leitores tenham acesso a uma variedade de livros”, explicou Dutra, completando que, neste sistema de compensação, ninguém sairia perdendo. Segundo ele, as administradoras de concurso público também não seriam prejudicadas com o PL, visto que a expectativa é de que o percentual de pessoas que optem pela troca não seja tão alto.

FUNCIONALIDADE
 
Instituído pela lei estadual 12.606, de 2004, e teoricamente atuando junto à Biblioteca Pública do Estado, o Banco do Livro tem por finalidade receber doações de livros, revistas e CDs para posterior distribuição às demais bibliotecas públicas e escolares. 
 
Apesar da lei, a responsável pela unidade de processamentos técnicos da Biblioteca Pública, Keila Araújo, afirma que este banco nunca funcionou na prática e, atualmente, está suspenso o recebimento dos livros por terceiros, considerando que a biblioteca não dispõe de espaço suficiente para armazenar as obras. 
 
De acordo com a bibliotecária, quando doadores avulsos procuram a unidade, são orientados a buscar outras agências para efetuarem a entrega.



Shopping de Serra Talhada marca inauguração para outubro
Autor
Adriano Roberto

Shopping de Serra Talhada marca inauguração para outubro

Do blog Nill Júnior - No período em que acontece a 20ª Exposerra, várias empresas aproveitaram para anunciar novidades e divulgar lançamentos de produtos e serviços. Um dos parceiros da Feira, o Shopping Serra Talhada, utilizou o evento para estreitar o relacionamento com os empreendedores que já garantiram suas lojas no centro comercial do complexo, bem como atrair novos investidores.

Com 80% das lojas vendidas, o diretor do Grupo JDS, Murilo Duque, anunciou a data de inauguração de uma das obras mais esperadas da região. De acordo com o empresário, o Shopping Serra Talhada abrirá suas portas no dia 29 de outubro deste ano.

Para Murilo Duque, Serra Talhada está preparada para receber novos empreendimentos. “A chegada de novos investimentos ao município só vem a somar, uma vez que o mercado tem capacidade de absorver todos esses empreendimentos. Na medida em que a concorrência cresce, a tendência é o consumo também aumentar.”

Ainda de acordo com o diretor do Grupo responsável pelo Shopping, “O momento que estamos vivendo em Serra Talhada é compatível com o estudo de mercado que fizemos lá atrás, quando decidimos lançar o empreendimento. E o que vemos hoje é um polo comercial consolidado.”

Sobre a Exposerra, Murilo, que também presidiu a CDL, afirma que o formato atual da Feira confirma o momento econômico do município. “A Exposerra está se reinventando. Atenta às transformações que acontecem na economia. E hoje podemos dizer que na sua 20ª edição está consolidada como uma das grandes feiras de negócios de Pernambuco. Um excelente ambiente para trocas de experiências e perspectivas de novos investimentos.”



Evento internacional reunirá mais de 500 cirurgiões-dentistas em Petrolina
Autor
Adriano Roberto

Evento internacional reunirá mais de 500 cirurgiões-dentistas em Petrolina

A ABO (Associação Brasileira de Odontologia) Regional Petrolina, PE reunirá entre os dias 24 e 27 de julho, mais de 500 cirurgiões-dentistas, estudantes e profissionais da Saúde em Petrolina (PE).  A 4ª edição do “Congresso Internacional de Odontologia do Vale do São Francisco (CIOVASF)” apresentará cursos, minicursos e feira de exposição com o tema 'Grandes Conexões da Odontologia!'.

A principal atração internacional, Ronaldo Hirata, conceituado cirurgião-dentista, vai falar sobre a ‘Odontologia Restauradora Estética’, e outros professores   de renome nacional ampliarão as discussões sobre doenças periodontais, implantes e até câncer de boca. 

As inscrições estão abertas, com políticas de descontos para acadêmicos e profissionais associados à entidade. A programação científica do evento, que acontecerá no auditório do SENAI-PE, deve iniciar às 8h30 e prosseguir até as 18h30. Consolidado como um dos principais encontros da área de odontologia no Vale do São Francisco, em que são combinados temas de saúde bucal, estética e questões humanistas, o CIOVASF ocorre em paralelo ao “19º Congresso de Odontologia” e ao “1º Congresso Acadêmico do Vale do São Francisco”.

Nesta edição, os participantes vão ainda acompanhar palestras com os especialistas Felipe Torres, Henrique Barros, João Paulo Lócio, Bruno Rosa, Ricardo Amore, Zulene Alves, Atson Fernandes, Leandro Pereira, Stenyo Tavares, Tábata Pólvora, José Carlos Aguiar, Rafael Amado, Bruno Joaquim, Pedro Henrique, Márcio Novaes, Clara Aidil Vasconcelos, Catarina Brasil, José Ricardo Amorim, William Bogard, Gerhilde Callou, Márcio Cardoso, Leonardo Godoy e Raony Môlim. Aspectos atuais das emergências endodônticas, ortognática no tratamento da Síndrome da Apneia e Hipopneia Obstrutiva do Sono, reabilitações orais, além de estratificação em resina do tipo bulk fill, também serão alguns dos temas tratados no encontro.

 O presidente da ABO Petrolina, George Guimarães, ressaltou a realização da feira de equipamentos e produtos odontológicos durante o CIOVASF. “A cada edição nossa regional vem realizando congressos com maior rigor técnico e profissional. E a feira deverá ser um espaço para apresentação de novas práticas e ferramentas tecnológicas que só elevarão a qualidade do nosso atendimento aos pacientes”, enfatizou Guimarães.

Já o presidente do CIOVASF, Davis Hudson, adiantou que os interessados podem se inscrever pelos telefones: (87) 3864.3295 e 9 8812.5139 ou pelo site: abodepetrolina.org.br.

"A abertura solene será às 19h do dia 24 no Petrolina Palace Hotel ", convida Hudson, destacando ainda que maiores informações sobre as políticas de descontos e a grade do congresso podem ser acessadas através do site:  abopetrolina.org.br ou pelas redes sociais: @abodepetrolina / @ciovasf.



Pesquisa em Caruaru traz Raquel Lyra liderando e Paulo Câmara rejeitado
Autor
Adriano Roberto

Pesquisa em Caruaru traz Raquel Lyra liderando e Paulo Câmara rejeitado

AVALIAÇÃO – Levantamento também traz avaliações dos governos Jair Bolsonaro, Paulo Câmara e Raquel Lyra, além das rejeições dos prováveis candidatos.

Wagner Gil

O Blog do Wagner Gil divulgou, na última sexta-feira (12), pesquisa de intenção de votos para Prefeito de Caruaru, além de avaliações dos governos Municipal, Estadual e Federal. Realizado pelo Instituto Simplex, o levantamento trouxe ainda o desejo da população da Capital do Agreste em relação à permanência da Feira da Sulanca, no Parque 18 de Maio. Neste quesito, a grande maioria prefere que a feira permaneça onde está: Parque 18 de Maio. Foram 63% apoiando a permanência, contra 31% que preferem a mudança. Os indecisos são 6%.

Neste levantamento, foi adotado o sistema de amostragem, utilizando cotas proporcionais, em função das seguintes variáveis: bairro, sexo e faixa etária. Ao todo foram entrevistadas 400 pessoas de forma presencial. Para uma amostra aleatória simples, tem-se uma margem de erro de aproximadamente 4,90% e nível de confiança de aproximadamente 95%. “A equipe de entrevistadores é treinada, com experiência em campo e foi supervisionada durante o trabalho. A estatística responsável pela pesquisa possui cadastro no Conselho Regional de Estatística (CONRE: 10149)”, destacou Bruna Claudino, diretora do Simplex.

O trabalho de pesquisa foi dividido em três partes: plano amostral, estatística descritiva e uma seção de relações entre as variáveis. Nela, 55% dos entrevistados foram mulheres e 45% homens. Também foram coletados dados de escolaridade e faixa etária dos entrevistados.

Em relação à disputa eleitoral propriamente dita foram alguns cenários analisados e a atual prefeita Raquel Lyra, venceu em todos, no âmbito municipal.

1º Cenário 

No primeiro cenário, que inclui ainda dois ex-prefeitos, o resultado foi o seguinte: Raquel Lyra (PSDB), 27,05%; Tony Gel (MDB), 18,83%; Delegado Lessa (PP), 15,93%; Zé Queiroz (PDT), 12,25%; Fernando Rodolfo (PL), 3,06%; Raffiê Dellon (PSD), 1,18%; Sílvio Nascimento (PSL), 0,26%; Branco/Nulo, 8,38%, e Indecisos e Não responderam 13,06%.

2º Cenário

No segundo cenário foi retirado o nome do ex-prefeito José Queiroz (PDT). Nele, a vantagem da atual prefeita acabou sendo ampliada com Raquel Lyra chegando a 30,06%; Tony Gel, 20,25%; Delegado Lessa, 17,49%; Fernando Rodolfo, 2,56%; Raffiê Dellon, 1,30%; Sílvio Nascimento, 0,00%; Branco/Nulo, 12,68% e Indecisos e Não responderam 15,66%.

3º Cenário

Neste cenário, o nome do ex-prefeito e deputado estadual Tony Gel foi substituído pelo seu filho, o empresário do ramo de shows, Toninho Rodrigues, com Raquel Lyra chegando a 27,08%; Delegado Lessa a 15,90%; Zé Queiroz, 14,44%; Toninho Rodrigues, 10,31%; Fernando Rodolfo, 3,50%; Raffiê Dellon 1,70%; Sílvio Nascimento, 0%; Branco/Nulo 10,73% e Indecisos e Não responderam 16,34%.

4º Cenário

O quarto cenário da pesquisa do Blog do Wagner Gil/Simplex foi a rejeição. Nele, Tony Gel foi o líder. Confira os números: Tony Gel, 36,72%; Raffiê Dellon, 30,20%; Sílvio Nascimento, 29,54%; José Queiroz 28,33%; Toninho Rodrigues 28,26%, Fernando Rodolfo 26,02%; Raquel Lyra 22,36%; Delegado Lessa 19,90%; Não sabem e Não quiseram responder, 24,36%.

5º Cenário

No levantamento também foi analisada algumas possibilidades de segundo turno. A prefeita Raquel Lyra se reelegeria em todas, se a eleição fosse realizada entre os dias 9 e 10 de julho, data em que a pesquisa foi às ruas. No primeiro cenário, o resultado foi o seguinte: Raquel Lyra, 43,19%; Tony Gel, 31%; Branco e Nulo, 15,04% e Não Sabe, 10,77%. “Neste caso, analisamos que Tony Gel tem um percentual médio de 30% e não consegue avançar”, destacou o analista político, João Américo.

Numa eventual disputa com Lessa, a prefeita também venceria: Raquel Lyra, 37,01% x Delegado Lessa, 33,97%; Branco e Nulo 16,51% e Não sabe ou Não respondeu, 12,51%.

Raquel também venceria José Queiroz, segundo levantamento do Simplex: Raquel, 37,91% x Queiroz, 29,63%; Branco ou Nulo, 20,43% e Não sabe ou Não respondeu 12,02%. “Nesta hipótese, Raquel leva uma boa vantagem em relação ao ex-prefeito. Vale lembrar que a prefeita ainda pode aumentar esses percentuais, já que muitas obras serão inauguradas até a eleição”, destacou Américo.

O Blog do Wagner Gil quis saber também como seria uma eventual disputa entre Tony Gel e José Queiroz. Neste cenário foi cravado um empate com uma pequena vantagem para Queiroz: Zé Queiroz, 34,52% x Tony Gel, 34,62%. Brancos e Nulos chegaram a patamar de 15,73% e Não sabe ou Não respondeu, 15,13%.

Já se a disputa fosse entre Lessa e Tony Gel, o delegado venceria: Delegado Lessa, 38,26% x Tony Gel, 33,83%; Brancos e Nulos, 13,77% e Não sabe, 14,15%. Já a disputa entre Queiroz e Lessa, o resultado seria o seguinte: Zé Queiroz, 32,68% x Delegado Lessa, 33,04%; Brancos e Nulos, 18,59%; Não sabe ou Não respondeu, 15,68%.

União Queiroz e Gel – Devido à movimentação do ex-prefeito e do agora deputado estadual José Queiroz em se aproximar de Tony Gel, também ex-prefeito e atual deputado estadual, o Blog quis saber como o eleitorado de Gel reagiria a essa união, já que os dois sempre foram adversários, mas nunca disputaram um contra o outro. O resultado foi surpreendente. O eleitorado de Tony Gel aprova em 57,44% e desaprova em 36,17%; não sabe, 6,39%.

Já o eleitorado de Queiroz também aprova, mas com percentual menor. Ou seja, 51,79% dos eleitores de Queiroz são favoráveis a união enquanto 38,83% são contrários. Branco e nulos: 9,38%. Na soma dos dois eleitorados, o resultado da união tem 55,21% de aprovação. A minoria, 37,22%, desaprova os dois no mesmo palanque. Não sabe ou não respondeu: 7,57%.

Paulo Câmara rejeitado em Caruaru

O eleitorado de Caruaru ainda continua não aceitando em sua maioria o governo Paulo Câmara. Ele aparece na pesquisa do Blog do Wagner Gil/Simplex com um percentual de aprovação muito baixo. Os que acham bom ou ótimo são apenas 1,25%; Bom 28,46%; Ruim 28,31%; Muito ruim 36,13% e Não sabe ou não respondeu 5,85%. Soma geral: Avaliação positiva 29,71% e a Negativa 64,44%.

Já o governo do presidente Jair Bolsonaro tem a seguinte avaliação dos caruaruenses: Muito bom 8,41%; Bom 28,02%; Ruim 25,13%; Muito ruim 32,25%; Não sabe ou não respondeu, 6,19%. Na avaliação geral, o resultado foi o seguinte: Avaliação positiva 36,43% e a Avaliação Negativa 57,37%.

Raquel Lyra aprovada com mais de 70% – Para a maioria dos caruaruenses a gestão da prefeita Raquel Lyra está aprovada e com uma maioria considerável. Muito bom: 11,95%; Bom 60,41%; Ruim 17,47%; Muito Ruim 7,21%; Não sabe ou não respondeu 2,96%. Avaliação geral: Avaliação positiva 72,36%; Avaliação Negativa, 24,68%.



Alepe aprova por unanimidade Carlos Neves para o TCE
Autor
Adriano Roberto

Alepe aprova por unanimidade Carlos Neves para o TCE

O nome do advogado Carlos Neves foi aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa de Pernambuco para ocupar a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Dos 42 deputados presentes à sessão plenária nesta quinta-feira (11), 41 se posicionaram favoráveis. Houve cinco ausências e dois deputados estão licenciados. O presidente da Casa, deputado Eriberto Medeiros (PP), não votou porque presidiu a sessão. 

Após a decretação do resultado, o presidente da Alepe pontuou como positiva a decisão do governador Paulo Câmara (PSB) de indicar Carlos Neves para ocupar um cargo de destaque no papel de fiscalizador do estado. 
“No momento em que reunimos 42 deputados, sem custo algum para os cofres públicos, a Assembleia reconhece a pessoa do governador Paulo Câmara no envio de um nome maduro, dedicado e experiente em seus mais de 20 anos de advocacia. Sabemos que quando Vossa Senhoria assumir o cargo de conselheiro do TCE, que é um órgão auxiliar dessa Casa, terá como sempre teve imparcialidade em suas decisões”, afirmou o Eriberto Medeiros. 

O presidente da Assembleia destacou, ainda, que a partir da “visão pedagógica” do novo conselheiro, ele buscará construir pontes com as demais instituições em favor do povo pernambucano. 

Antes da votação no plenário, o novo conselheiro do TCE foi sabatinado na Comissão de Constituição, Legislação e Justiça (CCJ) da Alepe. Em auditório lotado, Carlos Neves ouviu as considerações de alguns parlamentares inscritos para falar como o presidente da Alepe, Eriberto Medeiros.

“Nosso entendimento é que o Tribunal tenha um trabalho muito mais preventivo do que punitivo. Não admitimos é que um simples relatório de auditoria, muitas vezes sequer comunicado aos gestores públicos, possa expor vidas de forma indevida. Acreditamos, diante de tudo que foi discorrido da sua maturidade e da sua experiência, que haverá imparcialidade em suas decisões”, ressaltou Eriberto.

Carlos Neves fez questão de frisar seu compromisso, como conselheiro do TCE, de ”sempre levar à reflexão as considerações vindas da Assembleia”.

 “Nada é dispensável, vindo principalmente daqueles que têm a missão de representar o povo de Pernambuco. Uma palavra que é muito cara é representar, porque em sua origem significa ‘representar quem não estar’. E esse respeito à política, contrapondo-se à demonização da política, não impede que eu tenha o cuidado com as coisas públicas. Não terei nenhuma dificuldade de ouvi-los para construir soluções consensuadas”, disse o novo conselheiro do TCE que assume a vaga de João Campos, falecido no mês passado.



Maia diz que vota destaques hoje e 2º turno nesta sexta
Autor
Adriano Roberto

Maia diz que vota destaques hoje e 2º turno nesta sexta

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou agora há pouco que pretende votar os destaques ao texto principal da reforma da Previdência ainda hoje e que o segundo turno da votação deverá acontecer nesta sexta-feira (12).

"Sou otimista, vamos encerrar esse assunto nesta semana", afirmou. O deputado afirmou também não temer a falta de quórum para votar os destaques nesta quinta. Nas emendas supressivas são necessários 308 votos para manter o texto conforme aprovado na véspera. "Teremos 500 deputados na Casa, podem ficar tranquilos", disse.