Blog do Adriano Roberto


 Assinado termo de compromisso para instalação da Escola de Sargentos do Exército em PE
Autor
Adriano Roberto

Assinado termo de compromisso para instalação da Escola de Sargentos do Exército em PE

O governador Paulo Câmara assinou, na manhã desta terça-feira (06.04), um termo de compromisso que prevê um investimento de R$ 323 milhões do Estado para instalação da nova Escola de Sargentos do Exército. O documento foi firmado durante reunião com os generais Freire Gomes, Joarez Pereira, Álcio Costa e Gomes de Matos. Dos 16 municípios que se dispuseram a sediar a nova escola militar, somente três ainda estão na disputa: Ponta Grossa (Paraná), Santa Maria (Rio Grande do Sul) e Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.

Entre os compromissos assumidos pelo Governo do Estado para garantir a implantação do empreendimento estão: mobilidade, transporte público, infraestruturas hídrica e viária, além de investimentos em outras áreas. Se instalada em Pernambuco, a nova Escola de Sargentos será construída dentro do Campo de Instrução Marechal Newton Cavalcanti. O novo projeto ocupará 75 km², situados entre os municípios de Abreu e Lima, Paudalho, Tracunhaém, Araçoiaba, Camaragibe, São Lourenço da Mata e Igarassu.

Segundo o general de divisão Joarez Pereira, coordenador do grupo de trabalho para instalação da escola, a definição do local será anunciada até agosto. “Analisamos uma série de aspectos técnicos que dependem da infraestrutura militar. Esse é um projeto que tem que ser desenvolvido em parceria com os governos estaduais e municipais”, observou Joarez. 

A Escola de Sargentos de Carreira possui dois campos de instrução em Minas Gerais. É uma instituição de ensino de nível superior, responsável pela formação e graduação de sargentos combatentes de carreira das armas de Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia e Comunicações. A nova Escola também formará militares do quadro de Material Bélico, Serviço de Saúde, Música, Topografia e Aviação do Exército.

O curso de formação conta com cerca de 1.200 alunos/ano, além do corpo docente e o apoio de mais cerca de 5.800 militares. O efetivo total, mais as suas famílias, pode representar uma soma de aproximadamente 10 mil pessoas vivendo em torno da escola. Cerca de 140 mil candidatos se inscrevem para a seleção do curso todos os anos. O projeto conta ainda com uma folha de pagamento estimada em R$ 100 milhões por ano.

Estiveram presentes à reunião os generais Álcio Costa, Chefe do Estado Maior do Comando Militar do Nordeste, Freire Gomes, Comandante Militar do Nordeste e Gomes de Mattos, assessor institucional do Comando Militar do Nordeste. Também presentes os secretários estaduais Antonio de Pádua (Defesa Social), Gilberto Freyre Neto (Cultura), coronel Carlos José (Casa Militar), o desembargador Eurico Barros – representando o Tribunal de Justiça de Pernambuco – e os deputados Augusto Coutinho (federal) e Fabrício Ferraz (estadual). Por videoconferência, participaram o presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (AMUPE), José Patriota, além de prefeitos dos municípios envolvidos no projeto.

Veja o vídeo promocional abaixo:



Por que novo ministro da Justiça de Bolsonaro vai mudar o comando da Polícia Federal
Autor
Adriano Roberto

Por que novo ministro da Justiça de Bolsonaro vai mudar o comando da Polícia Federal

Com o aval do presidente Jair Bolsonaro, o novo ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, vai exonerar do cargo o diretor-geral da Polícia Federal, Rolando de Souza, e escolher um substituto. Torres também irá trocar o chefe da Polícia Rodoviária Federal, Eduardo Aggio. Os novos comandantes da PF e da PRF devem ser anunciados nos próximos dias.

O discurso no governo é o de que Bolsonaro deu liberdade total para o novo ministro da Justiça montar sua equipe com as indicações que ele achar pertinente para os cargos — daí a escolha de um novo diretor-geral para a PF. Será a segunda troca no comando da Polícia Federal desde o início do governo Jair Bolsonaro.

Na cerimônia de posse de Torres, nesta terça-feira (6), Bolsonaro disse que "mudanças são naturais". "E a gente sabe que você, Torres, todas as mudanças que efetuará no seu Ministério é (sic) para melhor adequá-lo ao objetivo, ao qual você traçou. Você quer o Ministério da Justiça o mais focado possível para o bem de todos em nosso país", afirmou.

Durante a gestão Rolando de Souza, a PF abriu inquéritos que incomodaram Bolsonaro. O mais recente deles, iniciado em março, investiga negócios envolvendo Jair Renan Bolsonaro, o filho “Zero Quatro” do presidente. Segundo a Procuradoria da República no Distrito Federal, o objetivo é saber se houve crime de tráfico de influência e lavagem de dinheiro envolvendo um grupo empresarial do setor de mineração e o filho de Bolsonaro.

Também foi aberto inquérito contra o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello para apurar se ele cometeu crimes na gestão da pandemia. Outras duas apurações em andamento na PF que interessam indiretamente o presidente são as que tratam dos atos antidemocráticos e o chamado inquérito das fake news.

A definição sobre a mudança na PF foi feita após uma conversa entre Bolsonaro e o novo ministro, anunciado na semana passada. Delegado de carreira da Polícia Federal, Torres mantém relação próxima com o presidente da República desde o tempo em que os dois trabalhavam na Câmara dos Deputados — enquanto Bolsonaro foi deputado federal, o agora ministro foi assessor legislativo de uma associação de delegados Polícia Federal e também chefe de gabinete do ex-deputado federal Fernando Francischini (PSL-PR).

A segunda troca na diretoria-geral da PF vem onze meses após a polêmica substituição do delegado Maurício Valeixo, que levou ao pedido de demissão do ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, sob alegação de interferência política no órgão. À época, Bolsonaro pressionava pela troca no comando da Polícia Federal, o que, segundo Moro, poderia levar a "relações impróprias".

Com a saída do ex-juiz da Lava Jato do ministério, Bolsonaro ficou com o caminho livre para indicar um chefe de sua preferência na PF. Na ocasião, o plano de Bolsonaro era nomear o delegado Alexandre Ramagem, diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), mas a indicação foi barrada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes por supostamente infringir o princípio da impessoalidade na administração pública. Ramagem é o amigo dos filhos de Bolsonaro. Rolando de Souza, que trabalhava com Ramagem na Abin, foi a alternativa encontrada para dirigir a PF.


A PF conduz um inquérito aberto por ordem do STF para apurar se Bolsonaro interferiu indevidamente no órgão, alegação que foi feita por Moro. Um dos episódios sob investigação, nesse caso, é a reunião interministerial de abril de 2020, em que Bolsonaro se queixou da Polícia Federal por, supostamente, não lhe dar “informações”. Moro diz que nessa reunião o presidente deixa claro a intenção de interferir na PF.

O inquérito está em fase final de apuração, mas está travado diante do impasse sobre a coleta do depoimento de Bolsonaro. O plenário do STF precisa decidir se o presidente pode ou não abrir mão de ser submetido a interrogatório por figurar na condição de investigado no inquérito. Informações da Gazeta do Povo.



Curso atualiza autoescolas sobre  alterações no Código de Trânsito
Autor
Adriano Roberto

Curso atualiza autoescolas sobre alterações no Código de Trânsito

Para adequar os Centros de Formação de Condutores (CFC) às novas alterações no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o Detran-PE está disponibilizando curso de atualização destinado a profissionais dos CFCs. As aulas ocorrem de forma on-line pelo Youtube da Coordenadoria de Educação do Trânsito por meio da Gerência de Produção Pedagógica (CTP) do órgão, também abertas ao público em geral.

A capacitação tem duração de 4 horas/aula, composta por 12 videoaulas, e fica disponível até o dia 30 de abril. As mudanças no CTB, definidas pela Lei 14.071/2020, passam a vigorar a partir do dia 12 de abril e modificam 57 pontos do Código, com alteração em 46 artigos, inclusão de 10 novos e revogação de um artigo inteiro. Atualmente Pernambuco possui 21 autoescolas credenciadas em atividade.

De acordo com o diretor-presidente do Detran-PE, Roberto Fontelles, os participantes do curso “Atualização do Código de Trânsito Brasileiro” poderão conhecer as principais mudanças na legislação. As modificações vão alcançar questões das provas teóricas, mas não interferem nos exames práticos.

Uma das videoaulas aborda resolução de questões conforme o modelo do teste teórico para obter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Também no conteúdo consta uma “live”, no dia 13 de abril, das 19h às 21h, voltada exclusivamente para esclarecimentos de dúvidas. Perguntas e questionamentos podem ser enviados por meio do e-mail ctpcursos@detran.pe.gov.br . O curso também está disponível para baixar, em PDF, no site do Detran-PE, na aba Educação/Capacitação e materiais pedagógicos. 

Entre as modificações contidas na Lei 14.071, que passam a vigorar a partir de 12 de abril, estão a revogação da obrigatoriedade de aulas noturnas para tirar a primeira habilitação; a revogação do prazo de 15 dias para nova avaliação, caso o aluno seja reprovado no exame prático e teórico; a validade da CNH de 10 anos para condutores de até 50 anos de idade, cinco anos para motoristas de 50 a 70 anos, e três anos para maiores de 70 anos.

Os prazos só valem para as CNH emitidas a partir de 12/04/2021. Já a suspensão da CNH ocorre quando o condutor somar 20 pontos (2 infrações gravíssimas em 12 meses), 30 pontos (com uma infração gravíssima) e 40 pontos (para condutores profissionais ou sem infração gravíssima). A Lei 14.071/2020 não é um novo código, é uma das 39 leis que alteram a redação final do CTB - Lei 9.503/93.

Acesso o curso pelo link: https://youtube.com/channel/UCh2k6cDIosPPWhPu5fd7o3w  

Para ter acesso ao material didático do Curso, clique aqui.



PCR deixa estudantes dentistas de fora da prioridade na vacinação
Autor
Adriano Roberto

PCR deixa estudantes dentistas de fora da prioridade na vacinação

Estudantes de odontologia da cidade do Recife  devem paralisar o atendimento nas comunidades carentes da capital pernambucana.

Eles alegam que por não terem sido liberados no plano de vacinação prioritária para Covid não podem ter contato com os pacientes comunitários.

Será que o prefeito João Campos vai dar um olhada nisso?



Imposto de Renda e saúde mental estão na pauta desta terça no Senado
Autor
Adriano Roberto

Imposto de Renda e saúde mental estão na pauta desta terça no Senado

O Senado deve votar nesta terça-feira (5) a prorrogação do prazo para a declaração do Imposto de Renda. O prazo final para a entrega das declarações é o dia 30 de abril, mas um projeto a ser analisado pelos senadores estende esse prazo por mais três meses, com fim em 31 de julho. Também estão na pauta a prioridade na restituição do IR para profissionais de saúde e desempregados, além de projetos sobre saúde mental.

O PL 639/2021, que estende o prazo para a entrega das declarações do Imposto de Renda, é do deputado Rubens Bueno (Cidadania-PR). O texto aprovado na Câmara determina que o cronograma de restituições não será alterado. O primeiro lote deve ser pago em 31 de maio. O texto autoriza ainda o pagamento da cota única ou das cotas vencidas do IR até 31 de julho sem acréscimo de juros ou penalidade de qualquer natureza.

A intenção, com a prorrogação, é possibilitar o cumprimento do prazo apesar do aumento das restrições geradas pela covid-19. Em 2020, a prorrogação do prazo foi feita por meio de instrução normativa da Receita Federal, que passou o prazo final para 30 de junho. O relator do projeto é o senador Plínio Valério (PSDB-AM).

Ainda sobre Imposto de Renda, os senadores devem votar o PL 2.981/2020, do senador Jaques Wagner (PT-BA), que tem como relator o senador Rogério Carvalho (PT-SE). O texto dá prioridade no recebimento da restituição aos trabalhadores da área de saúde e aos contribuintes que perderam o emprego em 2020. A regra valerá somente para profissionais de saúde com rendimento de até dez salários mínimos e trabalhadores que estiverem desempregados na data final da entrega da declaração de rendimentos.

Saúde mental

Também estão na pauta dois projetos relacionados à saúde mental. Um deles é o PL 4.815/2019, do senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), que inclui no Programa Nacional de Qualidade de Vida para Profissionais de Segurança Pública (Pró-Vida) ações de prevenção da depressão e ao suicídio entre os policiais. O texto já foi aprovado em 2019 pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS) e terá como relator no Plenário o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO).

Para Alessandro Vieira, é preciso cuidar da vida de quem protege a população. “Por questões culturais e institucionais, esses profissionais quase nunca conseguem auxílio dentro de suas corporações, onde enfermidades psiquiátricas, tais como depressão e ansiedade, muitas vezes são vistas como sinais de fraqueza ou de falta de comprometimento profissional”, explica na justificativa da proposta.

O outro projeto sobre saúde mental que está na pauta desta terça-feira (6) é o PL 2.083/2020, do senador Acir Gurgacz (PDT-RO). O projeto cria, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), um programa específico para acolhimento de pessoas que estão em sofrimento emocional por causa do isolamento social causado pela pandemia. O texto será relatado pelo senador Humberto Costa (PT-PE).  

Fonte: Agência Senado



Pauta de votações da Câmara será definida em reunião de líderes nesta terça
Autor
Adriano Roberto

Pauta de votações da Câmara será definida em reunião de líderes nesta terça

A pauta de votações do Plenário da Câmara dos Deputados será definida em reunião de líderes partidários, marcada para as 9h30 desta terça-feira (6). A sessão do Plenário ocorrerá a partir das 15 horas.

Entre os projetos que poderão ser pautados está o PL 1011/20, que estabelece novos grupos prioritários no plano de vacinação contra a Covid-19. O texto-base do projeto foi aprovado na semana passada, e os deputados ainda vão votar os destaques que podem alterar pontos da proposta.

O texto original do projeto, de autoria do deputado Vicentinho Júnior (PL-TO) e outros, inclui nos grupos prioritários os caminhoneiros autônomos e profissionais do transporte de cargas e mercadorias. Já o texto-base da relatora, deputada Celina Leão (PP-DF), também prioriza as seguintes categorias:

  • trabalhadores de transporte coletivo rodoviário e metroviário de passageiros;
  • pessoas com doenças crônicas e que tiveram embolia pulmonar;
  • agentes de segurança pública e privada, desde que estejam comprovadamente em atividade externa;
  • profissionais do Sistema Único de Assistência Social (Suas), das entidades e organizações de assistência social, e os conselheiros tutelares que prestam atendimento ao público;
  • trabalhadores da educação do ensino básico em exercício nos ambientes escolares;
  • coveiros, atendentes e agentes funerários;
  • profissionais que trabalham em farmácias;
  • oficiais de Justiça;
  • taxistas e mototaxistas;
  • profissionais de limpeza pública.

Fonte: Agência Câmara de Notícias



Começam hoje inscrições para o Sisu
Autor
Adriano Roberto

Começam hoje inscrições para o Sisu

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Ministério da Educação, começa a receber hoje (6) inscrições para o primeiro semestre de 2021. Até sexta-feira (9) serão exigidos para essa seleção, exclusivamente, a nota do candidato no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020.

Para se inscrever no Sisu, o interessado não pode ter zerado a redação do Enem 2020. Já o peso de cada prova para o curso de escolha varia e deve ser consultado no edital da instituição superior de interesse ou no site do Sisu. As notas individuais do Enem 2020, que foram divulgadas na semana passada, estão disponíveis para consulta na Página do Participante ou aplicativo do Enem.

Os interessados em participar do Sisu devem manifestar interesse em até duas opções de curso/instituição e especificar a ordem de preferência. Eles poderão optar pelas vagas de ampla concorrência ou aquelas reservadas a políticas de ações afirmativas, as cotas. Pelas regras, não é permitida a inscrição em mais de uma modalidade de concorrência para o mesmo curso e turno, na mesma instituição de ensino e local de oferta.

Pela página do Sisu será possível checar a nota de corte para cada instituição participante, local de oferta, curso, turno e modalidade de concorrência. Os dados serão atualizados periodicamente conforme o processamento das inscrições. Durante esse período, o estudante pode alterar as suas opções e até cancelar a inscrição. A classificação no Sisu será feita com base na última alteração feita e confirmada no sistema.

O resultado para a única chamada do Sisu será divulgado em 13 de abril. Em caso de notas idênticas, a partir dos critérios de classificação, o desempate será feito no momento da matrícula e selecionado o candidato que comprovar a menor renda familiar. O processo de matrícula será de 14 a 19 de abril, em dias, horários e locais de atendimento definidos por cada instituição de ensino.

Para participar da lista de espera, o estudante deverá manifestar seu interesse por meio da página do Sisu na internet, no período de 13 a 19 de abril, em apenas um dos cursos para o qual optou. Quem já foi selecionado na chamada regular em uma de suas opções de vaga não poderá participar da lista de espera, independentemente de ter realizado a matrícula na instituição. As regras para preenchimento das vagas não ocupadas na chamada regular serão definidas em edital próprio de cada instituição de ensino participante.

Histórico

O Sisu é o programa do Ministério da Educação para acesso de brasileiros a um curso de graduação em universidades públicas do país. As vagas são abertas semestralmente, por meio de um sistema informatizado, e os candidatos com melhor classificação são selecionados de acordo com suas notas no Enem. O estudante também não pode ter zerado a redação.

Além do Sisu, as notas do Enem podem ser usadas para o Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas de estudo em instituições privadas, e para acesso ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), para financiamento de cursos de ensino superior.



PGR pede que Fux tire das mãos de Gilmar Mendes decisões sobre cultos e missas
Autor
Adriano Roberto

PGR pede que Fux tire das mãos de Gilmar Mendes decisões sobre cultos e missas

O procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu nesta segunda-feira (5) que o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux retire Gilmar Mendes da relatoria da ação sobre a validade do decreto do estado de São Paulo que proibiu a realização de cultos religiosos.

Como noticiou o Terça Livre, Gilmar Mendes decidiu negar nesta segunda-feira(5) o direito ao cultos dos cristãos do estado de São Paulo.

Segundo Aras, o processo deve ser relatado pelo ministro Nunes Marques, que no sábado (3) concedeu pedido de liminar feito pela Associação Nacional de Juristas Evangélicos e liberou a realização de cultos e missas.

“A verificação das datas de propositura e de distribuição, bem como a caracterização da coincidência de objetos das ações recomenda seja a ADPF 811/SP redistribuída, por prevenção/dependência, ao ministro Nunes Marques, relator da ADPF 701/MG (mais antiga)”, argumentou o PGR.

Aras sustenta ainda que a Constituição garante o direito à liberdade religiosa. Diante da repercussão, o caso será decidido na quarta-feira (7) pelo plenário da Corte.



Polícia Federal investiga fraudes envolvendo auxílio emergencial
Autor
Adriano Roberto

Polícia Federal investiga fraudes envolvendo auxílio emergencial

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (6) a Operação Checker, que visa desmantelar uma organização criminosa que fraudava o auxílio emergencial concedido pelo governo federal. Policiais federais estão cumprindo dois mandados de prisão preventiva e dois mandados de busca e apreensão no município paranaense de Umuarama.

De acordo com a PF, os suspeitos teriam usado programas de computador que, por meio de algoritmos, geram números do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e softwares chamados checkers, que indicavam titulares aptos a receber o Auxílio Emergencial.

“Os saques eram realizados diretamente no caixa eletrônico, na agência bancária, ou então, quando em valores maiores, por meio de transferência através do sistema PIX”, informa a PF.

Levantamentos iniciais apontam que o prejuízo estimado, tanto a cofres públicos como às vítimas donas de CPFs usados, esteja na faixa de R$ 1 milhão – valor que não considera outros potenciais envolvidos que só poderão ser contabilizados após a análise dos materiais apreendidos.

“Com a atuação dos investigados, além do enorme prejuízo ao erário, centenas de pessoas foram privadas do recebimento do benefício, justamente no momento mais agudo da pandemia”, informou a Polícia Federal.

Acrescentou que o líder do esquema já foi investigado por crimes similares, coordenando golpes anteriores na região de Umuarama. Entre os crimes praticados por ele está o de falsificação de documentos usados para saques fraudulentos do Auxílio Emergencial, com a utilização de softwares desenvolvidos por hackers.



Concursos públicos reúnem mais de 4 mil vagas ao redor do país; veja lista
Autor
Adriano Roberto

Concursos públicos reúnem mais de 4 mil vagas ao redor do país; veja lista

Concursos públicos ao redor do país reúnem mais de 4 mil vagas de emprego nesta segunda-feira (5). Há oportunidades para os níveis fundamental, médio e superior.

Dentre os maiores salários oferecidos está o da Prefeitura de Paraíso (SC). Aqueles que forem selecionados irão receber uma remuneração mensal no valor de R$ 18 mil.

Instituição/Orgão

Prazo

Vagas

Salário Máximo

Escolaridade

Local de trabalho

Estado

 

Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT)

29/04/2021

 

R$ 32.004,65

superior

 

Distrito Federal

Edital

Prefeitura de Chapadão do Lageado (SC)

29/02/2021

15

R$ 4.114,00

fundamental e superior

Chapadão do Lageado

Santa Catarina

Edital

Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

27/04/2021

29

R$ 4.472,64

superior

Várias cidades

Rio Grande do Norte

Edital

Câmara Municipal de Santa Fé de Minas (MG)

26/04/2021

4

R$ 1.300,00

fundamental e médio

Santa Fé de Minas

Minas Gerais

Edital

Empresa Gerencial de Projetos Navais (Emgepron)

25/04/2021

5

R$ 2.768,20

médio

Itajaí

Santa Catarina

Edital

Prefeitura de Venturosa (PE)

23/04/2021

125

R$ 4.787,81

médio e superior

Venturosa

Pernambuco

Edital

Prefeitura de Vidal Ramos (SC)

23/04/2021

6

R$ 15.500,83

fundamental e superior

Vidal Ramos

Santa Catarina

Edital

Consórcio Intermunicipal Cemmil de Leme (SP)

22/04/2021

20

R$ 1.947,00

fundamental e médio

Leme

São Paulo

Edital

Prefeitura de Carmo do Cajuru (MG)

22/04/2021

102

R$ 3.200,95

fundamental, médio e superior

Carmo do Cajuru

Minas Gerais

Edital

Prefeitura de Doutor Maurício Cardoso (RS)

22/04/2021

2

R$ 11.002,36

superior

Doutor Maurício Cardoso

Rio Grande do Sul

Edital

Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos (SP)

22/04/2021

83

R$ 7.120,72

fundamental, médio e superior

Ferraz de Vasconcelos

São Paulo

Edital

Prefeitura de Osasco (SP)

22/04/2021

44

R$ 1.550,00

médio

Osasco

São Paulo

Edital

Instituto Federal de Roraima (IFRR)

21/04/2021

20

R$ 5.742.14

superior

 

Roraima

Edital

Prefeitura de Teolândia (BA)

21/04/2021

113

R$ 6.670,00

fundamental, médio e superior

Teolândia

Bahia

Edital

Serviços Técnicos Gerais (Setec) de Campinas (SP)

20/05/2021

32

R$ 8.286,45

fundamental, médio e superior

Campinas

São Paulo

Edital

Conselho Federal de Química (CFQ)

20/04/2021

25

R$ 8.951,25

superior

 

Distrito Federal

Edital

Prefeitura de Cordilheira Alta (SC)

20/04/2021

12

R$ 18.974,42

alfabetizado, médio e superior

Cordilheira Alta

Santa Catarina

Edital

Prefeitura de Barueri (SP)

19/04/2021

6

R$ 9.090,11

superior

Barueri

São Paulo

Edital

Prefeitura de Irati (SC)

19/04/2021

6

R$ 2.755,67

fundamental, médio e superior

Irati

Santa Catarina

Edital

Prefeitura de Lontras (SC)

19/04/2021

4

R$ 1.119,49

alfabetizado

Lontras

Santa Catarina

Edital

Prefeitura de Caxias do Sul (RS)

18/04/2021

 

R$ 1.558,11

médio

Caxias do Sul

Rio Grande do Sul

Edital

Secretaria de Estado da Saúde e Mato Grosso do Sul

17/04/2021

6

R$ 3.000,00

superior

 

Mato Grosso do Sul

Edital

Conselho Regional de Enfermagem de Sergipe

16/04/2021

4

R$ 4.237,95

médio e superior

Sergipe

Sergipe

Edital

Conselho Regional de Educação Física da 10ª Região (Cref 10-Paraíba)

15/04/2021

10

R$ 3.310,00

médio, técnico e superior

 

Paraíba

Edital

Prefeitura de Maripá (PR)

15/04/2021

25

R$ 9.888,86

fundamental, médio, técnico e superior

Maripá

Paraná

Edital

Prefeitura de Paraíso (SC)

15/04/2021

16

R$ 18.518,83

fundamental, médio e superior

Paraíso

Santa Catarina

Edital

Prefeitura de São Pedro da União (MG)

15/04/2021

17

R$ 12.011,30

fundamental, médio, técnico e superior

São Pedro da União

Minas Gerais

Edital

Universidade Estadual do Norte do Paraná (Uenp)

15/04/2021

14

R$ 3.209,07

médio e superior

 

Paraná

Edital

Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig)

13/04/2021

2

R$ 5.801,50

superior

Três Corações

Minas Gerais

Edital

Marinha

13/04/2021

33

 

médio

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

Edital

Prefeitura de Brunópolis (SC)

13/04/2021

7

R$ 5.098,20

técnico e uperior

Brunópolis

Santa Catarina

Edital

Prefeitura de São José dos Quatro Marcos (MT)

13/04/2021

2

R$ 3.590,16

superior

São José dos Quatro Marcos

Mato Grosso

Edital

Câmara Municipal de Cuiabá (MT)

12/04/2021

13

R$ 7.986,12

médio e superior

Cuiabá

Mato Grosso

Edital

Câmara Municipal de Planaltina (GO)

12/04/2021

18

R$ 2.100,00

médio e superior

Planaltina

Goiás

Edital

Fundação de Desenvolvimento da Unicamp (Funcamp)

12/04/2021

1

 

superior

Campinas

São Paulo

Edital

Prefeitura de Guarulhos

12/04/2021

37

R$ 15.654,69

médio e superior

Guarulhos

São Paulo

Edital

Prefeitura de Rio Negro (PR)

12/04/2021

1

R$ 2.948,92

superior

Rio Negro

Paraná

Edital

Prefeitura de São José dos Quatro Marcos (MT)

12/04/2021

17

R$ 3.590,16

superior

São José dos Quatro Marcos

Mato Grosso

Edital

Prefeitura de Várzea Paulista (SP)

12/04/2021

18

R$ 5.301,35

superior

Várzea Paulista

São Paulo

Edital

Governo do Estado do Pernambuco

11/04/2021

98

R$ 4.590,00

médio e superior

Várias cidades

Pernambuco

Edital

Indústria de Material Bélico do Brasil (Imbel)

11/04/2021

37

R$ 1.844,72

médio e técnico

Juiz de Fora

Minas Gerais

Edital

Marinha

11/04/2021

27

R$ 9.900,00

fundamental, médio, técnico e superior

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

Edital

Conselho Regional de Biomedicina - 4ª Região

10/05/2021

10

R$ 4.465,93

médio e superior

Belém e Porto Velho

Pará e Rondônia

Edital

Prefeitura de Verdejante (PE)

10/05/2021

126

R$ 15.000,00

fundamental, médio e superior

Verdejante

Pernambuco

Edital

Ministério da Cidadania

09/04/2021

89

R$ 8.300,00

superior

Brasília

Distrito Federal

Edital

Prefeitura de Anahy (PR)

09/04/2021

 

R$ 1.550,15

fundamental, médio e superior

Anahy

Paraná

Edital

Prefeitura de Caibi (SC)

09/04/2021

4

R$ 18.677,72

médio e superior

Caibi

Santa Catarina

Edital

Prefeitura de Jardim (CE)

09/04/2021

104

R$ 10.118,86

fundamental, médio e superior

Jardim

Ceará

Edital

Prefeitura de Trindade (GO)

09/04/2021

71

R$ 1.320,00

fundamental, médio e técnico

Trindade

Goiás

Edital

Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE - RO)

09/04/2021

2

R$ 6.831,09

superior

Rondonia

Rondônia

Edital

Ministério da Economia

08/04/2021

100

R$ 6.130,00

médio e superior

Brasília

Distrito Federal

Edital

Prefeitura de Guatapará (SP)

08/04/2021

2

R$ 14,70 hora/aula

superior

Guatapará

São Paulo

Edital

Prefeitura de Ipuã (SP)

08/04/2021

8

R$ 2.086,11

fundamental, médio e superior

Ipuã

São Paulo

Edital

Prefeitura de Pedro Canário (ES)

08/04/2021

49

R$ 2.000,00

fundamental, médio e superior

Pedro Canário

Espírito Santo

Edital

Prefeitura de Posse (GO)

08/04/2021

173

R$ 3.069,19

fundamental, médio e superior

Posse

Goiás

Edital

Prefeitura de Santana de Parnaíba (SP)

08/04/2021

 

R$ 12.378,27

médio e superior

Santana de Parnaíba

São Paulo

Edital

Prefeitura de Tapiratiba (SP)

08/04/2021

 

R$ 2.306,83

superior

Tapiratiba

São Paulo

Edital

Prefeitura de Toledo (PR)

08/04/2021

49

R$ 14.264,51

fundamental, médio, técnico e superior

Toledo

Paraná

Edital

Prefeitura de Bom Despacho (MG)

07/04/2021

37

R$ 9.676,00

fundamental, médio e superior

Bom Despacho

Minas Gerais

Edital

Prefeitura de Itapetim (PE)

07/04/2021

 

R$ 10.000,00

superior

Itapetim

Pernambuco

Edital

Prefeitura de Lagoa Grande (PE)

07/04/2021

112

R$ 1.443,08

médio e superior

Lagoa Grande

Pernambuco

Edital

Prefeitura de Petrolina de Goiás (GO)

07/04/2021

19

R$ 2.200,00

médio e superior

Petrolina de Goiás

Goiás

Edital

Universidade Federal do Maranhão

07/04/2021

36

R$ 5.831,21

superior

Maranhão

Maranhão

Edital

Câmara Municipal de Imbuia (SC)

06/04/2021

1

R$ 2.630,72

superior

Imbuia

Santa Catarina

Edital

Universidade Federal do Piauí

06/04/2021

2

R$ 4.180,66

superior

Teresina

Piauí

Edital

Câmara Municipal de Ponto dos Volantes (MG)

05/04/2021

3

R$ 1.683,00

fundamental e médio

Ponto dos Volantes

Minas Gerais

Edital

Empresa Pública de Saúde do Rio de Janeiro S/A (Rio Saúde)

05/04/2021

21

R$ 11.029,13

superior

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

Edital

Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco (Hemope)

05/04/2021

8

R$ 2.179,78

médio e superior

Recife

Pernambuco

Edital

Fundação Estadual de Inovação em Saúde - iNova Capixaba

05/04/2021

877

R$ 14.400,00

fundamental, médio e superior

Vila Velha, Serra, Cariacica, Vitória, Linhares, Colatina e São Mateus

Espírito Santo

Edital

Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (BA)

05/04/2021

1

 

superior

 

Bahia

Edital

Prefeitura de Lajedinho (BA)

05/04/2021

8

R$ 14.800,00

fundamental, médio e superior

Lajedinho

Bahia

Edital

Prefeitura de Serra Alta (SC)

05/04/2021

3

 

fundamental e superior

Serra Alta

Santa Catarina

Edital

Prefeitura do Rio de Janeiro (RJ)

05/04/2021

19

R$ 7.918,03

superior

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

Edital

Secretaria de Estado da Saúde da Paraíba

05/04/2021

1120

R$ 1.120,00

fundamental, médio e superior

 

Paraíba

Edital

Prefeitura do Paulista (PE)

04/06/2021

25

R$ 12.183,29

superior

Paulista

Pernambuco

Edital

Prefeitura de Aramina (SP)

04/04/2021

5

R$ 1.112,63

médio e superior

Aramina

São Paulo

Edital

Prefeitura de Carapicuíba (SP)

04/04/2021

5

R$ 13.983,56

superior

Carapicuíba

São Paulo

Edital

Prefeitura de Iaras (SP)

04/04/2021

40

R$ 10.222,00

fundamental, médio e superior

Iaras

São Paulo

Edital

Prefeitura de Lucianopolis (SP)

04/04/2021

6

R$ 4.748,62

fundamental, médio e superior

Lucianopolis

São Paulo

Edital

Prefeitura de Valparaíso (SP)

04/04/2021

32

R$ 15.770,00

fundamental, médio e superior

Valparaíso

São Paulo

Edital

Fonte: Ibahia



Nova medida de combate ao coronavírus é aprovada pela Comissão de Justiça da ALEPE
Autor
Adriano Roberto

Nova medida de combate ao coronavírus é aprovada pela Comissão de Justiça da ALEPE

As salas de autoatendimento dos estabelecimentos bancários e os terminais de atendimento dos bancos 24 horas devem manter dispenser de álcool em gel ou álcool 70% à disposição dos clientes. A nova medida preventiva está em um projeto de lei que recebeu aval da Comissão de Justiça da Assembleia Legislativa de Pernambuco, nesta segunda. A proposição altera uma lei de agosto do ano passado que trata das formas de prevenção nos estabelecimentos comerciais durante a pandemia.

O relator da matéria, o deputado Joaquim Lira, do PSD, acredita que esse tipo de norma deve ser constantemente atualizada. “Ele vem procurando aperfeiçoar a legislação, até porque esse assunto referente a Covid-19, é tudo tão novo para a gente que a gente precisa estar sempre atualizando os nossos pensamentos e a nossa legislação, e o nosso parecer é pela aprovação, nos termos do substitutivo deste Colegiado.”

A proposta é de autoria do deputado Henrique Queiroz Filho, do PL, que também é autor do texto que originou a lei que está sendo atualizada. Os deputados aprovaram, ainda, um substitutivo para que instituições de saúde forneçam cartilha de orientação sobre primeiros socorros aos pais ou responsáveis de recém-nascidos. O texto aglutina dois projetos de lei que tramitavam em conjunto por similaridade, de autoria da deputada Alessandra Vieira, do PSDB, e de Romero Sales Filho, do PTB.

Todas as matérias aprovadas seguem agora para apreciação das Comissões Temáticas da Casa e, antes de se tornarem lei, precisam ser aprovadas em dois turnos pelo Plenário e passar pela sanção do governador. Para mais informações sobre as atividades do Poder Legislativo, acesse www.alepe.pe.gov.br



Os Blogueiros de Crachá de João Doria: R$ 8 milhões em recursos públicos para atacar o presidente Bolsonaro
Autor
Adriano Roberto

Os Blogueiros de Crachá de João Doria: R$ 8 milhões em recursos públicos para atacar o presidente Bolsonaro

Por Paulo Eneas do site Crítica Nacional 

O programa Manhattan Connection, pilotado pelo antagonista Diego Mainardi, é levado ao ar pelo TV Cultura de São Paulo através de um contrato(1) de cinco anos no valor de R$ 8 milhões entre uma empresa chamada Blend Negócios, Divulgação e Editoração Ltda. e a Fundação Padre Anchieta, entidade que vive basicamente de recursos públicos do contribuinte paulista e que é a mantenedora daquela emissora de televisão estatal.

A Blend Ltda. foi aberta com um capital de dez mil reais no dia 28/12/2020, conforme declarado na Junta Comercial de São Paulo(2), apenas um dia antes de firmar o contrato de R$8 milhões com a Fundação Padre Anchieta, que foi sacramentado em 29/12/2020 como mostra o extrato de contrato da própria Fundação Padre Anchieta.

O único sócio proprietário da Blend Ltda. é um certo Gilberto Silva(3), que por sua vez é membro do conselho editorial e funcionário do setor de marketing de uma revista publicada por uma segunda empresa, a Global Council of Sales Marketing (GCSM)(4) que tem como primeiro-vice-presidente José Roberto Maluf, que é o presidente da Fundação Padre Anchieta, que contratou a empresa da qual Gilberto Silva é sócio e único dono.

Todo esse ardil evidencia um fato simples e objetivo: o programa Manhattan Connection chefiado pelo antagonista Diogo Mainardi foi para a TV Cultura de São Paulo sendo bancado com recursos públicos dos contribuintes paulistas, ao contrário da narrativa mentirosa propagada pelos donos do programa quando este saiu da Globo News.

Em nota publicada no site O Antagonista do dia 23/11/2020 às 8h15m, os donos do blog afirmavam:

Manhattan Connection vai para a TV Cultura. O Manhattan Connection, que saiu da GloboNews, vai para a TV Cultura. No novo canal, o programa será inteiramente financiado por patrocinadores privados. Empresários que financiam a liberdade de opinião ajudam a si próprios.

A nota com o conteúdo exato reproduzido acima, com grifo nosso, pode ser acessada no site de O Antagonista neste link aqui. Caso tenha sido apagada por ordem de Diogo Mainardi, o print pode ser visto mais abaixo(5).

Se existe a participação de outros empresários financiando o Manhattan Connection na TV Cultura de São Paulo, não sabemos. O que está patente é que existe financiamento público, no montante de R$ 8 milhões conforme mostra a extrato de contrato da Fundação Padre Anchieta.

Essa garantia de financiamento público firmado em contrato explica por que o programa não se preocupa em continuar exibindo audiência próxima do traço, como de resto toda a programação da TV Cultura, uma vez que a receita está garantida, vinda dos pagadores de impostos paulistas, e não depende do sucesso ou fracasso de público do empreendimento chapa-branca.

Diogo Mainardi e o antipetismo de conveniência a serviço do tucanato
Uma das figuras centrais de Manhattan Connection é o antagonista Diogo Mainardi, um  jornalista de escrúpulos aparentemente flexíveis e que ao longo de toda a carreira dissimulou seus reais alinhamentos políticos para construir um personagem que se adequava às circunstâncias políticas do momento.

Durante toda a presidência de Fernando Henrique Cardoso, Diogo Mainardi posou de “oposição ferrenha” ao governo de então, quando na verdade servia de spar para blindar o grão tucano de qualquer oposição séria à direita. Nesse período, Diogo Mainardi era visto pelos mais incautos como alguém “de direita”, e muitos compraram essa narrativa, pois havia até memes.

Iniciada a era petista, Diogo Mainardi elevou o tom contra o governo de então, mas não por ser um governo comunista que estava destruindo o país e os valores nacionais para financiar o Foro de São Paulo e regimes de ditaduras comunistas genocidas mundo a fora.

Estes temas nunca foram preocupação do antagonista Mainardi, cujo único problema que via no governo petista era o fato de ser corrupto, como de fato o era, assim como governos anteriores, incluindo tucanos.

Desta forma, pela crítica exclusiva à corrupção e não à natureza ideológica comunista do petismo, nascia o antipetismo de conveniência, parido e nutrido por Diogo Mainardi, que assim reinventou a velha técnica da esquerda de limpar-se na própria sujeira.

Crítica Nacional foi possivelmente a primeira publicação da direita brasileira a alertar sobre a natureza traiçoeira do antipetismo de conveniência. Tratamos deste tema em um artigo em junho de 2016, portanto há quase cinco anos, onde já apontávamos o papel nefasto que publicações como O Antagonista iria desempenhar. Os fatos recentes comprovam que estávamos corretos. Este artigo de 2016 foi republicado e pode ser lido neste link aqui.

Os blogueiros de crachá de João Doria
Iniciado o Govern Bolsonaro, Diogo Mainardi e demais antagonistas protagonizaram por meio da Revista Crusoé uma da maiores canalhices do jornalismo brasileiro: uma reportagem mentirosa produzida por Felipe Moura Brasil e publicada em outubro de 2019 deu origem à narrativa que passou a ser conhecida como Blogueiros de Crachá.

A narrativa elaborada por Filipe Moura Brasil e publicada na Revista Crusoé foi baseada numa construção imaginária delirante elaborada por um empresário dirigente do grupo esquerdista MBL, que chegou a ser preso pela polícia civil paulista acusado de estelionato, lavagem de dinheiro e posse de material com conteúdo pornográfico envolvendo menores.

A narrativa acusava ativistas conservadores, entre eles jornalistas e empresários, de integrarem um grupo articulado que seria supostamente financiado pelo governo para promover supostos ataques coordenados contra desafetos do Presidente Bolsonaro.

Em nenhum momento Felipe Moura Brasil deu provas de suas acusações. Posteriormente a justiça condenou a Revista Crusoé a publicar um direito de resposta do empresário Otávio Fakhoury, uma das pessoas caluniadas pelo matéria jornalística porca e mentirosa assinada por Felipe Moura Brasil.

A narrativa mentirosa criada pela Revista Crusoé serviu de base para a instalação da CPMI das Fake News, principalmente por conta do papel vexatório desempenhado pelos deputados Alexandre Frota (PSDB-SP) e Joice Hasselmann (PSL-SP), que serviram de mensageiros e entregadores de uma invencionice paranoica criada pela mente doentia de um indivíduo acusado de crimes graves.

A narrativa também serviu de subsídio para a instalação de um inquérito no poder judiciário, inquérito este cuja constitucionalidade é questionada por inúmeros juristas de  renome, e que resultou em perseguições, buscas e apreensões, bloqueios de contas em redes sociais e toda sorte de cerceamento à liberdade de expressão.

Criou-se assim um estado de absoluta agressão à liberdade de expressão por conta de uma ação deliberada de uma publicação, a Revista Crusoé, também de propriedade de Diogo Mainardi, que prestou um dos maiores desserviços ao jornalismo brasileiro nos últimos anos.

Perguntas que os antagonistas precisam responder agora
Diante da revelação inequívoca de que o programa Manhattan Connection está sendo bancado com recursos públicos do contribuinte paulista, cabem agora algumas questões que precisam ser respondidas principalmente por Diogo Mainardi.

a) Se o blogueiro antagonista foi canalha o bastante para valer-se da matéria mentirosa de Felipe Moura Brasil sobre os supostos blogueiros de crachá, a qual ele endossou ao permitir sua publicação na Revista Crusoé e por ter repetido aquela narrativa incessantemente em seu blog O Antagonista, estaria ele sendo canalha o bastante agora para beneficiar-se, junto com seus colegas de bancada do Manhattan Connection, de um contrato de R$ 8 milhões em recursos públicos para atacar o Presidente Bolsonaro?

b) O jornalista Felipe Moura Brasil irá produzir uma reportagem de 14 páginas a ser publicada também na Revista Crusoé sobre os reais blogueiros de crachá de João Doria que, financiados por recursos públicos paulistas, articulam-se em um programa com audiência próxima do traço para atacar o Presidente Bolsonaro e blindar o proto-ditador tucano João Doria?

c) Quando o programa Manhattan Connection foi para a TV Cultura no início deste ano, Diogo Mainardi declarou: “temos liberdade total e absoluta (…) para descer a lenha em quem quer que seja, neste momento meu alvo principal é o Bolsonaro (…) mas vamos chutar todo mundo”. A pergunta que fazemos ao antagonista Diogo Mainardi é se o Manhattan Connection, a Revista Crusoé ou O Antagonista irão produzir matérias de jornalismo investigativo sobre contratos da Fundação Padre Anchieta com determinadas empresas e jornalistas. Ou o contrato de R$ 8 milhões que vocês têm com a fundação cria certos óbices para esta empreitada jornalística?

d) Por fim, Diogo Mainardi: você e os jornalistas dos veículos que você comanda fizeram acusações levianas e infundadas contra pessoas corretas e honestas, e com isto abriram caminho para agressões à liberdade de imprensa no país (agressões das quais vocês mesmos foram vítimas, ainda que tenham se calado covardemente depois). Agora está patente que vocês praticam jornalismo à soldo com recursos públicos, visando blindar um proto-ditador e atacar o Presidente da República. Por quanto tempo vocês acreditam que continuarão enganando a opinião pública brasileira com o jornalismo de esgoto que vocês praticam?


Agradecimentos a Anita, que fez a grande parte da pesquisa e a disponibilizou em sua conta no twitter, e autorizou o uso nesta reportagem das informações levantadas.